Tendência do Mercado

9 de novembro de 2019

Com a vida corrida que as pessoas levam vivendo em grandes metrópoles, o emprego, o estudo e até o lazer acabam ficando comprometidos se não houver um planejamento efetivo das preciosas 24 horas diárias. Por isso, o mercado imobiliário está casa vez mais apostando no lema “menos é mais”. Esta tendência surgiu após pesquisas realizadas por especialistas, que tinham como objetivo encaixar o perfil do comprador ao do empreendimento. Com estes estudos, descobriu-se que para os futuros moradores, as áreas comuns são um dos atrativos, já que cada vez mais as pessoas passam a fazer atividades dentro da própria casa – sem gastar tempo com o deslocamento. Já foi o tempo em que a escolha do apartamento ficava apenas por conta da metragem, divisão dos cômodos e acabamento. Cada vez mais os consumidores querem espaços modernos para fazer atividade física, receber os amigos para um churrasco e áreas que possam trabalhar, como o coworking.

Áreas Flexíveis – espaços adaptados para todas as ocasiões

Outra novidade é a criação de espaços flexíveis em áreas comuns, uma das soluções possíveis para os projetos. São feitos combinações de mobiliários que possibilita alternativas de usos em um mesmo ambiente, deixando-o assim mais polivalente. Para os novo perfil de moradores, os espaços, além de flexíveis, devem se integrar, pois os moradores podem usar mais de um ambiente ao mesmo tempo. Além disso, os compradores estão mais exigentes com o layout dos ambientes e a decoração, pois eles influenciam a utilização dos espaços.