As boas das férias em São Paulo

21 de agosto de 2020

Todo ano é a mesma coisa: os paulistanos seguem em massa para as estradas ou aeroportos, fugindo da capital entre o Natal, o ano novo e as férias de janeiro. Quem fica por aqui, porém, pode curtir a cidade sem trânsito, sem muvuca e ainda se divertir pra valer. Separamos algumas dicas para que o tédio não te derrube nesse verão e para que você aproveite a cidade como um turista!

 

“Silvio Santos vem aí!”

O Museu da Imagem e do Som traz mais uma exposição interativa daquelas e o homenageado da vez é um ícone da TV e da nossa cultura, o apresentador Silvio Santos. A exposição fica em cartaz até março e os ingressos, podem ser adquiridos online. Para aproveitar ainda mais a experiência, vale almoçar, fazer um brunch ou jantar no belo restaurante Chez MIS, no jardim do museu.

MIS

Av. Europa, 158, Jardim Europa

 

Visite o MASP

O acervo do Museu de Arte de São Paulo, um dos mais importantes da América Latina, está de volta ao critério expositivo original, criado pela arquiteta Lina Bo Bardi: os cavaletes de cristal. A visita ao acervo e demais exposições é gratuita às terças e paga nos demais dias da semana – exceto às segundas, sem expediente. Um concerto de Natal do Coro da OSESP no dia 20 de dezembro, com ingressos a partir de R$25, encerra o ano com chave de ouro no museu.

MASP
Av. Paulista, 1578 – Bela Vista

 

Vá aos parques

Bem mais vazios do que de costume, os parques de São Paulo são verdadeiros oásis nas férias de verão. Além do Ibirapuera, parques como o Villa Lobos, o da Aclimação, o Horto Florestal e o Parque do Povo têm atividades esportivas gratuitas, atividades para as crianças e espaço de sobra para o relaxamento e a diversão da família. No Planetário do Ibirapuera, por exemplo, há 4 sessões diárias durante as férias.

 

Aproveite as estreias do cinema!

O Natal é um dos períodos mais férteis para estreias de cinema em todo o mundo. Este ano, a cinebiografia “Neruda” traz o mexicano Gael García Bernal como um inspetor que persegue o ilustre poeta chileno. O ator Ewan McGregor não apenas estrela como também dirige “Pastoral Americana”, baseado na obra do escritor Philip Roth. Saiba mais!

 

Que tal uma pedalada?

As ciclofaixas estão espalhadas por toda a cidade e, por meio delas, é fácil programar um passeio ou mesmo praticar o ciclismo esportivo na capital. Tudo de graça! Este mapa aqui mostra onde elas estão, como se interligam e como chegar por meio do transporte público. Trace a sua rota!

Destino férias! Opções de lazer: Alto da Boa Vista

15 de julho de 2019

Considerada um dos melhores regiões para se morar em São Paulo, o Alto da Boa Vista tem ruas arborizadas e uma ótima infraestrutura e
conta com muitas opções quando o assunto é passeio com a família. Então imagine encontrar em um só lugar diversão, cultura e
gastronomia para aproveitar ao máximo as férias de julho e que agrade todas as idades.
A região e seu entorno concentra excelentes possibilidades de entretenimento. Veja algumas dicas:
Boavista Shopping- durante as férias o shopping traz o “Mundo Encantado” para a criançada. O local oferece várias atrações como: castelo das bolinhas, magic game, baby brinc e na praça de alimentação acontece o “lanche com a turma” um momento de
descontração e socialização entre os pequenos; Morumbi Shopping– desta vez o agito toma conta do “Play Space” que elaborou uma agenda especial com oficinas lúdicas e diferentes a cada dia. A molecada irá se entreter com: show de mágica, teatro de
fantoches, desfile de fantasias, camarim de peteados, dentre outros; Teatro Alfa– neste mês de julho o espaço recebe o festival “Rock for Kids”. Os pequenos podem curtir um show interativo que reúne bandas covers de grandes nomes do rock. Com certeza este passeio
irá agradar tanto as crianças quanto os papais que gostam do estilo musical. As próximas apresentações acontecerão nos dias 20 e 28/07 e trazem Pitty Cover e Princesas do Rock. Os ingressos estão à venda
no site do teatro; Credicard Hall– uma casa de espetáculos e eventos muito conhecida
em São Paulo e no Brasil, por onde grandes nomes do showbiz já passaram por lá, tem uma programação diversificada para o mês de julho e que certamente irá agradar a toda família. Neste mês se apresentarão o Pe. Fabio de Melo e a dupla sertaneja Edson & Hudson. A casa que foi inaugurada em 1998 tem capacidade para receber 7.000 pessoas; Festival no Parque- para que os pais possam aproveitar o período das férias escolares com seus filhos, a MAC construtora e incorporadora montou aos finais de semana do mês de julho, em seu stand de vendas, um festival gastronômico e várias oficinas gratuitas para a criançada. Dentre as oficinas estão: a de pipa, slime, catavento, natureza – a criançada terá a oportunidade de colocar a mão na terra e participar do plantio de girassol. Além disso, a construtora idealizou no gramado um lounge especial para que as famílias pudessem contemplar a natureza. Neste final de semana acontece a abertura dos 3 decorados, com projetos das arquitetas: Chirs Silveira e a também youtuber, Doma Arquitetura.

O stand do empreendimento Raiz São Paulo, da construtora e incorporadora MAC, fica localizado Rua Carlos Gomes 924 – região do
Alto da Boa Vista.
Oficinas Infantis dias 20,21,27 e 28/07
– das 9h às 19h.

5 motivos para morar na Santa Cecília

8 de agosto de 2018

Sabe aquela sensação gostosa de cidade do interior, onde tudo é pequeno e que você pode chamar pelo nome o moço do pet shop ou a cabeleireira da esquina? Isto tudo é possível estando bem ao lado do centro de São Paulo, no bairro de Santa Cecília.

As ruas pequenas (em sua maioria) e planas possibilitam andar bem a pé ou de bicicleta. Outro ponto alto é a variedade gastronômica, tem comida baiana, japonesa, brasileira e hambúrguer, além, de muitas atrações noturnas em vários bares e distribuídos pelas alamedas do bairro.

Por isso, aqui vão algumas dicas para que você possa conhecer melhor este pedacinho da cidade:

1- O bairro está muito próximo ao centro da cidade. Por isso, torna-se mais simples chegar a qualquer outra região de São Paulo. Além disso, o bairro conta com duas estações de metrô, Marechal Deodoro e Santa Cecília.

2- Pode observar ares vanguardistas deste bairro boêmio por natureza. É possível encontrar, na banca Tatuí, livros de escritores e artistas independentes, com pequena tiragem. Os jornais ficam disponíveis para a leitura.  O espaço também virou ponto de referência para alguns eventos na rua.

3- Vontade de comer um acarajé? Há restaurantes e bares com comida baiana – a Rota do Acarajé, Sotero e Tabuleiro do Acarajé. O interessante é que o Tabuleiro funciona em uma janelinha da Rua Doutor Cesário Mota com a Rua da Consolação – de segunda a quinta-feira, entre o fim da tarde e o início da noite para servir apenas acarajé.

4- Os estabelecimentos da empresária, Lilian Gonçalves, são marcas registradas da noite do bairro. Ela chegou ali no fim da década de 60. Tem até um bar temático de karaokê. Diversão garantida e que agrada todos os gostos.

5- O Minhocão também faz parte do cenário de Santa Cecília. Nos dias de semana, à noite, vê-se uma galera jovem andando de bike ou de patins e mesmo a pé por ali. Aos domingos, a turma é variada, de fãs de piquenique a comerciantes.

Agora que você já sabe como é morar na Santa Cecília, conheça o Cosmopolitan Santa Cecília. Localizado no coração do bairro e que possui toda infraestrutura, mobilidade e praticidade. Local ideal para quem deseja viver em um lugar totalmente conectado e adaptado ao que há de melhor pelo mundo.

Meditação Ganha Novos Segmentos da Sociedade

12 de abril de 2018

Cada vez mais pessoas usam da prática de meditação para trazer uma série de benefícios ao corpo e à mente. Esse crescimento é visível não só em pessoas que exercitam a meditação em suas casas ou em aulas particulares, numa vertente mais espiritualista, mas agora também em setores da sociedade onde a poucos anos atrás sequer sabiam explicar do que se tratava a meditação. Ela está alcançando o âmbito profissional, onde visa à melhora no foco e concentração dos profissionais das empresas e também nas escolas, onde trabalha com a ansiedade dos alunos.

Vale destacar que há mais de 30 anos, a técnica vem sendo estudada e utilizada pela medicina, na promoção da saúde e como abordagem terapêutica para inúmeras doenças. Isso por que a meditação é um exercício cerebral consciente, comprovado em imagens de ressonância magnética que mostra alterações no cérebro no momento em que é realizada.

Para além do estresse, evidências científicas mostram que a meditação é benéfica como abordagem terapêutica para vários transtornos psicossomáticos como a ansiedade, a depressão e problemas respiratórios e gástricos de fundo emocional. A aliança entre medicina convencional e a meditação tem se consolidado cada vez mais. Em uma pesquisa rápida pelo tema no ‘Google Acadêmico’, é possível notar o interesse da ciência pela relação meditação e saúde: são mais de 200 mil trabalhos com achados dos mais variados.

Confira um passo a passo para iniciar a prática da meditação:

  1. Escolha uma hora conveniente – meditação é essencialmente um momento de relaxar, então ela deve ser realizada totalmente à sua conveniência. Reserve um horário que você não será interrompido.

  1. Escolha um ambiente quieto – é importante buscar um ambiente onde você provavelmente não será incomodado.

  1. Sente-se confortavelmente – sua postura também faz diferença. Certifique-se de estar relaxado, confortável e pronto. Sente-se com a coluna ereta, relaxe os ombros e pescoço e mantenha os olhos fechados durante todo o processo.

  1. Tenha o estômago relativamente vazio – uma boa hora para meditar é antes das refeições. Entretanto, não se force a meditar se estiver com muita fome. Você  achará difícil, porque você pode ficar pensando em comida o tempo todo. Nesse caso, você pode meditar duas horas após a refeição.

  1. Respire profundamente – Respirar é também parte do processo de preparação para uma meditação mais fácil. Respire, inspire e expire.

Investimento em Localização na Compra de um Imóvel

6 de março de 2018

Quando se pensa na compra de um imóvel a primeira coisa que vem à cabeça é a localização. Isto porque, dependendo do bairro onde será feito o investimento, o IDHM – Índice de Desenvolvimento Humano – pode variar, e muito!

Um dos bairros de SP que tem o melhor IDH é Moema, só por estes dados já efetivam a segurança que os investidores vão ter ao adquirir imóveis na região, pois é um bairro com menor taxa de criminalidade e maior taxa de escolaridade da cidade de São Paulo, uma área muito valorizada, repleta de Shopping que marcam o desenvolvimento do bairro. Dois parques servem a região – o Parque das Bicicletas e o famoso Ibirapuera – um espaço bem equipado para atividades ao ar livre, bem como preparado para receber concertos e eventos internacionais.

E não é só isso, as vantagens continuam. Sua localização é tão privilegiada que o único aeroporto da cidade, Congonhas, fica ao lado. Sem contar nos melhores bares e restaurantes, lojas, escolas, farmácias e centros de estética que permeiam no bairro.

Outro destaque vai para a mobilidade. Tudo pode ser acessado caminhando ou pedalando nas ciclofaixas que cortam o bairro. A proximidade com a Avenida dos Bandeirantes e a estação de metrô – linha Eucaliptos, que acaba de ser inaugurada, valorizam ainda mais este bairro que é um oásis no meio do centro urbano.

Closet + escritório = essa conta dá 5!

3 de novembro de 2017

Se você só tem um cômodo sobrando para fazer de closet e ao mesmo tempo trabalhar ou estudar, já deve ter se perguntado como organizar melhor o ambiente e para que as roupas e sapatos não caiam por cima da mesa, do computador, ou ainda atrapalhem a circulação no seu home office. Em ambientes pequenos, esse dilema é maior ainda: afinal, como ter inspiração para se vestir e tranquilidade para trabalhar sem perder tempo?

A boa notícia é que esta conta pode dar certo, mas o resultado dela soma 5 itens indispensáveis! Deixamos 5 dicas para que você organize closet-escritório e ainda o deixe com a sua cara. Confira!

 

1) Divida os dois mundos
Comece setorizando o escritório e o closet, uma parte para cada finalidade. Um armário que tome uma parede inteira ou até duas, em L, fica de um lado do cômodo. Encostada à outra parede, vai a mesa de trabalho com seus equipamentos de ergonomia, uma ou duas cadeiras. O mesmo vale para objetos decorativos e itens como mancebos e espelhos: cada um pro seu lado. Utilize nas paredes uma cor mais neutra.

 

2) Portas de um lado, prateleiras do outro
Para não se sufocar trabalhando numa mesinha cercada por armários e mais armários, experimente utilizar prateleiras próximas à mesa para guardar itens como livros, condecorações que pretende deixar à mostra e até quadros com mensagens motivacionais, que podem coexistir juntos, sem precisar furar a parede em diversos pontos para cada coisa. Prateleiras altas também aproveitam melhor o espaço, dando sensação de amplitude.

 

3) Entenda o perfil dos moradores
Se alguém um pouco mais bagunceiro(a) utilizar o espaço, evite as araras avulsas e opte por armários fechados e cômodas sempre que puder. Recomendamos sempre uma boa organização e otimização dos espaços, mas se tiver bagunça, é melhor que fique lá dentro! Para quem mantém a ordem, mas utiliza muito a câmera do computador para vídeo-conferências também vale a mesma regra. Afinal, você precisa transmitir ordem e profissionalismo, mesmo em seu home office.

 

4) Utilize móveis polivalentes
Práticos e polivalentes, objetos como baús podem fazer a passagem entre esses dois ambientes em um só, além de te ajudar a guardar mais roupas ou esconder a baguncinha do escritório. Quando feitos de materiais resistentes, podem ainda acomodar uma pessoa sentada, seja para calçar um sapato ou mesmo para acompanhar o trabalho de quem estiver na mesa . Com as linhas retas, podem até suportar almofadas que servem como assento. Use a criatividade, mas evite “as tralhas”!

Mesas com cavaletes que suportam objetos ou mesas dobráveis são uma boa ideia. Sabe aquele arquivo de gavetas? Se couber embaixo da mesa sem atrapalhar seu conforto, melhor!

 

5) Menos é mais
A partir daí, vale reconsiderar a utilidade de todos os objetos, os pessoais e os profissionais. Fique com aquilo que é realmente necessário. Aquela velha impressora é útil mesmo ou só está criando pó? Será que não está na hora de trocar aquele computador cheio de fios por outro com ligações wi-fi ou um notebook? E a papelada do trabalho, é mesmo necessária?
Documentos e comprovantes legais, salvo exceções, devem ser guardados por 5 anos e estar sempre dentro de pastas. Muitos deles podem ser armazenados na nuvem da internet, protegidos por senha, com acesso de qualquer lugar.

Talvez seja hora de doar aqueles livros de faculdade ou daquele curso longínquo, que você não lê há um tempão, não é verdade? Há várias bibliotecas que aceitam doações. Seu foco no presente e seu espaço agradecem também!

Grafite na decoração: experimente!

3 de novembro de 2017

Quando o grafite de Jean-Michel Basquiat foi alçado ao status de arte na Nova York dos anos 1970, iniciou-se uma discussão em voga até hoje: lugar de grafite é só nos muros da cidade ou também nas galerias e museus? Com o grafite de São Paulo, aclamado em todo o mundo, foi assim com osgemeos, Eduardo Kobra, e outros tantos, hoje expostos nas ruas e nas galerias dos 5 continentes.

Era natural que a pergunta ganhasse desdobramentos: lugar de grafite é só nos muros da cidade ou também nas galerias, museus, e dentro de casa? Pois a tendência de fazer “uma tatuagem” na sala, no quarto, na cozinha, no escritório e até no banheiro está caindo no gosto dos paulistanos. A ideia é trazer frescor, juventude, cor e até mesmo criar um elo entre o espaço interno e o espaço público.

Clique aqui e veja 90 ambientes decorados com grafite

 

Para diferentes bolsos 

 

Artistas como o veterano Binho Ribeiro, a grafiteira Siss e os jovens Lucas Barbosa e Giuliano Martiuzzo pintam cômodos de acordo com o pedido e a “cara” da casa do cliente. O ideal, dizem eles, é incorporar a arte ao ambiente sem que se torne um corpo estranho ao local. Por isso, eles só usam os sprays e tintas após a aprovação do cliente in loco, não apenas “no papel”, utilizando adesivos retiráveis como marcações, entre outras técnicas.

Com essas estrelas, o preço de uma obra exclusiva nas paredes da sua casa vai de R$300 até R$10 mil por m2. Se você achou caro ou arrojado demais, não desista: há galerias, inclusive online, que vendem obras “domesticadas” de grafiteiros consagrados como Titi Freak, Zezão e Speto em serigrafias e gravuras para pendurar e com valores bem mais acessíveis. A Gravura.Art é uma delas.  Que tal experimentar?

Quer iluminar os ambientes? Veja por onde começar!

3 de novembro de 2017

Seja na hora de comprar as lâmpadas, as luminárias ou mesmo criar o mapa de luz de cada ambiente da casa, é importante utilizá-la em prol da função dos espaços. Seja para incentivar a concentração, criar aconchego ou melhorar a precisão na hora de se maquiar ou fazer a barba em frente ao espelho, deixar a luz entrar e fazer o melhor dela é muito importante.

 

Para te ajudar a iluminar os cômodos da sua casa, trazemos estas dicas básicas, que você pode aplicar sem ajuda profissional. Vamos lá?

 

1) Tons de lâmpadas

A tonalidade da lâmpada é fundamental para a boa função da iluminação. Nos cômodos de lazer e descanso, como a sala e o quarto, opte por luzes quentes, amareladas, que são mais aconchegantes. Em locais como cozinhas, áreas de serviço e banheiros,  opte por luzes frias, brancas e levemente azuladas, que estimulam a concentração e estimulam as ações nesses ambientes.

 

A potência e o número de lâmpadas necessárias dependem da metragem geral. Clique neste link e aprenda um pouco mais sobre “lux” e “luminen” para comprar as lâmpadas certas.

 

2) Luz central

A principal fonte de luz do cômodo deve ser forte o suficiente para distribuir a luz de forma homogênea. Geralmente, ela se localiza no meio do espaço. Optando por paredes claras e tetos claros o ambiente fica muito mais iluminado.

 

3) Luz indireta

Vale utilizar abajures, arandelas, luminárias de chão e luminárias de teto para iluminar os ambientes de forma mais difusa, acrescentando charme à sua casa. Eles também criam cenários diferentes em ambientes integrados como sala de estar e sala de jantar.

 

4) Crie destaques

Para destacar objetos ou cantinhos de uso específico, fitas de led coladas no interior dos móveis distribuem uniformemente a luz. Spots embutidos criam uma iluminação mais pontual.  Abajures direcionados e arandelas instaladas na parede podem destacar uma planta, um canto acima do espelho para servir de “camarim doméstico”, entre outras funcionalidades. Luminárias de chão são excelentes para cantos de leitura.

10 itens essenciais ao pegar as chaves do apto

30 de junho de 2017

“Paguei a entrada, as primeiras prestações, a parcela das chaves, fiz a festa, estourei o espumante, avisei os amigos, a família e agora não sei por onde começar as obras para deixar o apartamento do jeito que eu quero!” Calma: se esse é seu caso, não precisa ficar angustiado (a).

Antes de sair por aí comprando as coisas, vale considerar essa lista de prioridades para montar sua casa sem sobressaltos, racionalizando recursos e o mais rápido possível para se mudar. Pesquise fotos de referência, fale com conhecidos que também compraram ou reformaram há pouco tempo, visite showrooms, se informe na internet e faça uma boa cotação antes de contratar serviços.
Coloque tudo na ponta do lápis e pense nas suas necessidades. Tome nota das dicas abaixo e mãos à obra!

1) Se quiser promover qualquer alteração de planta ou ampliação de cômodos, faça isso antes de tomar qualquer decisão de mobília.
2) Defina as cores e o acabamento das paredes considerando também o tipo de revestimento do piso, a função de cada ambiente e o tipo de decoração que você quer.
3) Faça o mapa de mobília e eletrodomésticos e defina onde vai cada item para checar se os pontos elétricos estão corretos e são suficientes.
4) Defina se haverá forro de gesso comum ou dry-wall e encomende esse serviço antes de tudo – inclusive da pintura.
5) Confira a altura do contrapiso antes de escolher o revestimento e consulte o prestador de serviços sobre as especificações necessárias.
6) Vai contratar armários e estantes planejadas para a casa? A hora de medir e encomendar é agora!
7) Cheque as ligações hidráulicas e elétricas para verificar se tudo está funcionando corretamente. Faça o mesmo com os metais de cozinha e banheiros. Caso contrário, peça reparos à construtora.
8) Cheque também as esquadrias, portas, janelas e vidros. Qualquer não conformidade com o que foi prometido pela construtora deve ser informada no máximo em 90 dias após a entrega das chaves.
9) Na dúvida, contrate um(a) arquiteto(a) especialista para fazer o planejamento do seu imóvel, desde as peças estruturais até um bom mapa de iluminação, pisos, revestimentos e móveis. Fazer tudo sozinho parece ótimo e muito econômico, mas às vezes o barato sai caro! Ainda mais se você está se mudando para sua casa própria, no cantinho onde pretende morar por muitos anos!
10) Confira os prazos de entrega de todos os eletrodomésticos e móveis. Estão dentro do que você pode esperar? Prefira lojas com boa reputação e cheque também se você terá que montar e instalar as coisas sozinho(a) ou contratar serviços extras para tal. Tudo precisa ser considerado!

Piso vinílico x Piso laminado: qual a diferença?

30 de junho de 2017

Na hora de decorar e escolher o piso de casa, muita gente se confunde entre o piso vinílico e o piso laminado. Qual a diferença entre eles, afinal? Qual o melhor para a sua casa?
Não criemos pânico! Cada um tem sua função e melhor aplicação para cada ambiente. Confira os diferenciais de cada um a seguir.

 

Pisos laminados 
Muito utilizados em ambientes internos, são resistentes a riscos e abrasão, fáceis de limpar e duráveis. Como a madeira, o piso laminado tem ampla variedade de tipos, cores e de madeiras simuladas. Ele é composto por lâminas de madeiras composta de aglomerados HDF (High Density Fiberboard) ou Painel de Fibras de Alta Densidade. Por cima, é feito de resina. A aplicação é rápida e é possível colocar 50 m² de piso em um dia sem quebrar nada!  Pode-se aplicar sobre o piso existente.

Como a maioria dos fabricantes já usa madeira reflorestada, é ecologicamente correto. O contato com a água, produtos e o sol pode deformá-lo! Limpe com pano úmido!

 

Pisos vinílicos
Com ótimo desempenho acústico e conforto térmico que proporciona temperaturas agradáveis aos ambientes, permite a personalização com uma decoração diferenciada pelo material utilizado. É também um produto resistente, durável, antialérgico, macio, anti-chamas, não retém poeira e é fácil para limpar. Existem três tipos de piso vinílico: em manta, placa e com tons de madeira.

Sua colocação é rápida, desde que o local de aplicação esteja regular sem nenhum desnível. O vinílico pode ser aplicado diretamente no contrapiso, cimentado, cerâmica e outros materiais. O acabamento do vinílico é de alta qualidade e ele é mais resistente à água do que o laminado. Por não fazer barulho ao andar, é ideal para quem tem animais de estimação e crianças. É ecologicamente correto e não é recomendado para áreas externas ou com muito contato com água como banheiros.