Piso vinílico x Piso laminado: qual a diferença?

30 de junho de 2017

Na hora de decorar e escolher o piso de casa, muita gente se confunde entre o piso vinílico e o piso laminado. Qual a diferença entre eles, afinal? Qual o melhor para a sua casa?
Não criemos pânico! Cada um tem sua função e melhor aplicação para cada ambiente. Confira os diferenciais de cada um a seguir.

 

Pisos laminados 
Muito utilizados em ambientes internos, são resistentes a riscos e abrasão, fáceis de limpar e duráveis. Como a madeira, o piso laminado tem ampla variedade de tipos, cores e de madeiras simuladas. Ele é composto por lâminas de madeiras composta de aglomerados HDF (High Density Fiberboard) ou Painel de Fibras de Alta Densidade. Por cima, é feito de resina. A aplicação é rápida e é possível colocar 50 m² de piso em um dia sem quebrar nada!  Pode-se aplicar sobre o piso existente.

Como a maioria dos fabricantes já usa madeira reflorestada, é ecologicamente correto. O contato com a água, produtos e o sol pode deformá-lo! Limpe com pano úmido!

 

Pisos vinílicos
Com ótimo desempenho acústico e conforto térmico que proporciona temperaturas agradáveis aos ambientes, permite a personalização com uma decoração diferenciada pelo material utilizado. É também um produto resistente, durável, antialérgico, macio, anti-chamas, não retém poeira e é fácil para limpar. Existem três tipos de piso vinílico: em manta, placa e com tons de madeira.

Sua colocação é rápida, desde que o local de aplicação esteja regular sem nenhum desnível. O vinílico pode ser aplicado diretamente no contrapiso, cimentado, cerâmica e outros materiais. O acabamento do vinílico é de alta qualidade e ele é mais resistente à água do que o laminado. Por não fazer barulho ao andar, é ideal para quem tem animais de estimação e crianças. É ecologicamente correto e não é recomendado para áreas externas ou com muito contato com água como banheiros.